foto

9ª Conferência Luso-Brasileira de Acesso Aberto (ConfOA), em Lisboa

OEI - Ciência . 02/10/2018
Tamaño del texto + -

Portugal organiza a 9ª Conferência Luso-Brasileira de Acesso Aberto (ConfOA) que se realiza entre terça e quinta-feira, de 2 a 4 de outubro, no campus do ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (ISCTE-IUL), em Lisboa. A ConfOA, realizada alternadamente entre Portugal e Brasil, reúne de novo na edição de 2018 as comunidades dos dois países que desenvolvem atividades de investigação, desenvolvimento, gestão de serviços e definição de políticas relacionadas com o Acesso Aberto e a Ciência Aberta, tendo como objetivo a partilha, discussão e divulgação de conhecimentos, práticas e investigação. A Secretária de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (SECTES), Maria Fernanda Rollo, participa, na terça-feira, pelas 9 horas, na sessão de abertura da 9ª ConfOA, organizada pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT), pelos Serviços de Documentação da Universidade do Minho (SDUM), pelo Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (IBICT) e pelo ISCTE-IUL. A edição deste ano ganha especial relevo tendo em conta que Portugal, através da Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT), foi aceite como país observador da LA Referencia, a Rede de Repositórios Institucionais de Publicações Científicas que reúne os repositórios de acesso aberto de nove países da América Latina: Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Equador, El Salvador, México, Peru e Costa Rica. A inclusão de Portugal enquanto país observador nesta rede surge no âmbito da Política Nacional de Ciência Aberta implementada pelo Governo através da área governativa da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior e assente no enunciado de que o Conhecimento é de Todos e para Todos e que reconhece o potencial da Língua Portuguesa enquanto língua de ciência.

 

Programa: http://confoa.rcaap.pt/2018/