Paulo Freire

Apresentação pública do Programa Paulo Freire-PALOP da OEI tem lugar na sede da CPLP

OEI - Ciência . 29/05/2019
Tamaño del texto + -

Teve lugar na sede da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP) em Lisboa a apresentação pública do Programa de Mobilidade Académica Paulo Freire – PALOP promovido pela Organização de Estados Ibero-Americanos para a Educação, a Ciência e a Cultura (OEI).

A sessão de abertura contou com as intervenções do Ministro de Negócios Estrangeiros de Portugal, Augusto Santos Silva, do Secretário Executivo da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP), Francisco Ribeiro Telles, do Secretário-Geral da Organização de Estados Ibero-Americanos para a Educação, a Ciência e a Cultura (OEI), Mariano Jabonero, e da Diretora da OEI em Portugal, Ana Paula Laborinho. Os bolseiros beneficiários do Programa, bem como as instituições de ensino superior parceiras apresentaram testemunhos sobre a experiência e benefícios do Programa.

O Programa de Mobilidade Académica Paulo Freire, tendo como principais destinatários os futuros professores, foi criado em 2014 no seguimento das deliberações da XXIV Conferência Ibero-americana de Ministros da Educação realizada no México. Na mesma Conferência, foi aprovada a recomendação de “incorporar, como observadores-colaboradores, os Ministros da Educação dos Países lusófonos de África e Timor Oriental”, promovendo por esse meio a cooperação entre duas regiões que partilham culturas, línguas próximas e geografias.

Nesses termos, em 2018, A Secretaria Geral da OEI criou um projeto-piloto de mobilidade Paulo Freire – PALOP, dinamizado pelo escritório da OEI em Portugal, tendo sido atribuídas 21 bolsas a estudantes de instituições de ensino superior de Angola, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique e São Tomé e Príncipe para frequência de um semestre em 7 instituições portuguesas (Universidades de Aveiro, Lisboa, Minho, Porto e Institutos Politécnicos de Beja, Bragança, Leiria).  

Este projeto-piloto inovador foi buscar inspiração ao modelo europeu Erasmus, permitindo a circulação de estudantes entre instituições do ensino superior dos PALOP e portuguesas, com reconhecimento curricular pelas universidades de origem.

Clique aqui para ver a galeria de fotos do evento.


Presença nos meios de comunicação social

Veja algumas das menções à sessão de apresentação pública do programa de mobilidade académica Paulo Freire – PALOP da OEI nos meios de comunicação social: