fotos geogebra set2019

Com o apoio da OEI a Escola Superior Pedagógica do Bengo acolhe a Conferência sobre a criação do Instituto Geogebra de Angola e ciclo de formação de professores

OEI . 05/09/2019
Tamaño del texto + -

Com o apoio da OEI, no quadro do Programa Iberciência,  decorreu entre 3 e 6 de setembro, na Escola Superior Pedagógica do Bengo em Angola, um ciclo de formação de formadores em Geogebra e uma Conferência sobre a criação do Instituto Geogebra de Angola. 

Estas atividades têm lugar após uma de trabalho, decorrida entre 20 e 22 de maio de 2019, que visou a familiarização com o software GeoGebra e exploração das suas potencialidades, através do desenvolvimento de tarefas de “construções geométricas básicas”. A 2ª fase da Formação de Formadores em GeoGebra é um segundo momento presencial de formação que conta com os formadores Astrigilda Silveira da Universidade de Cabo Verde (UNICV) e José Dos Santos do Instituto Politécnico do Porto (IPP). A formação é de 48Horas e abrange 40 formandos, incidindo nas múltiplas aplicações que o software tem nos diversos ramos da matemática.

Para além da formação, realizou-se no dia 04 de setembro uma conferência subordinada ao tema “Inovar as práticas pedagógicas com recurso ao software matemático GeoGebra/Relevância do GeoGebra na Modelação Matemática” que teve como propósito a sensibilização do Governo angolano, de dirigentes de instituições de ensino e professores de Matemática para a importância do uso do GeoGebra no ensino e aprendizagem dessa disciplina. O evento foi acolhido pelo Diretor Geral da ESPB, Prof. Doutor João Ima Panzo.  A mesa de abertura do evento integrou ainda o Secretário de Estado do Ensino Superior, Ciência, Tecnologia e Inovação de Angola, Doutor Eugénio da Silva, em representação da Sra. Ministra do Ensino Superior, Ciência, Tecnologia e Inovação, Profª. Doutora Maria do Rosário Bragança Sambo e o Vice-Governador do Governo Provincial do Bengo, Prof. Doutor Domingos Guilherme, em representação da Sra. Governadora do Bengo, Doutora Mara Quiosa.

A Escola Superior Pedagógica do Bengo, tem desenvolvido, em cooperação com outras instituições nacionais e internacionais, um conjunto de ações que visam a promoção da qualidade do processo de ensino-aprendizagem. Neste sentido, com o apoio da OEI, do Instituto Superior Politécnico do Porto, a Universidade de Cabo Verde e o Governo da Província do Bengo, decidiu instalar o Instituto GeoGebra de Angola a fim de reforçar as ações de formação dos professores de Matemática do Bengo e demais províncias do país.

A instalação (e acreditação) do Instituto GeoGebra em Angola, na ESPB, para promoção do uso desta ferramenta nos diferentes níveis do processo de ensino-aprendizagem da Matemática é acompanhada da formação contínua de professores angolanos e na sua integração numa rede internacional.

 

O projeto GeoGebra integra o programa IBERCIENCIA da OEI sendo o seu desenvolvimento nos PALOP e Timor Leste assegurado pelo Instituto GeoGebra Portugal (IGP) e pela Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico do Porto (ESE-IPP), que assegura a certificação das formações.

Este projeto parte de diretrizes internacionais de uso de Ambientes Dinâmicos de Geometria Dinâmica (ADGD), ou de outros programas informáticos para atividades de exploração e investigação de conteúdos matemáticos, promovendo melhores resultados no ensino e na aprendizagem desta disciplina nos níveis básico e secundário. De todos os ADGDs, destaca-se a GeoGebra, um software livre e em desenvolvimento contínuo por uma grande comunidade internacional baseada nos Institutos GeoGebra, que permite trabalhar em geometria, álgebra, cálculo e estatística com uma abordagem construtivista e que, ao mesmo tempo, constitui um recurso para o estudo de outras disciplinas como Química ou Física.