escolas ubuntu

Apresentação Pública do Projeto “Escolas UBUNTU”

OEI - Educación . 17/05/2019
Tamaño del texto + -

Fotografia: Escolas Ubuntu

Realizou-se a 16 de maio a apresentação pública do projeto “Escolas Ubuntu” que vai intervir em 14 agrupamentos de escolas TEIP (Programa Territórios Educativos de Intervenção Prioritária) e em dois centros educativos da cidade de Lisboa, envolvendo 2210 alunos destes estabelecimentos nos próximos três anos.

Na sessão estiveram presentes o Secretário de Estado da Educação, João Costa, o Presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Fernando Medina e representantes dos parceiros do projeto, o Professor José Luís Gonçalves da ESEPF - Escola Superior de Educação de Paula Frassinetti e a Diretora da Organização de Estados Ibero-americanos para a Educação, Ciência e Cultura (OEI) em Portugal, Ana Paula Laborinho.

O projeto é financiado no quadro dos EEAGrants - Cidadãos Ativos - PCA001 - Fortalecer a cultura democrática e a consciência cívica – e apoiado pela Câmara Municipal de Lisboa, a Direção-Geral da Educação e a OEI, tendo o envolvimento da ESEPF - Escola Superior de Educação de Paula Frassinetti, que assumirá a componente pedagógica.

São objetivos do projeto o fortalecimento da cultura democrática e a participação cívica de estudantes entre o 12 e os 18 anos de contextos vulneráveis, através da metodologia Ubuntu de formação para a liderança servidora, habilitando-os enquanto agentes de transformação ao serviço das suas comunidades. A iniciativa será articulada com os educadores, capacitando-os para a promoção da cidadania, do diálogo, da promoção da paz e justiça social.

Ubuntu é uma filosofia de origem africana que se traduz na expressão “Eu Sou porque tu És”, na valorização da interdependência e da solidariedade.